Todos

Este estudo foi reagido em 16 centros de diagnóstico distribuídos em 14 países do Mediterrâneo: Albânia, Argélia, Bósnia, Croácia, Egito, França, Itália, Malta, Montenegro, Marrocos, Eslovênia, Espanha, Turquia e Tunísia. O critério de inclusão foi de pacientes com sintomas característicos mais antitransglutaminase positiva. Foram identificados 800 casos nesses 14 países, sendo que somente 749 pacientes submeteram-se a exames complementares. A conclusão do estudo é que, embora o número seja reduzido, a maioria dos países não realiza a biópsia de confirmação, pelo alto custo do exame. Destaque: Em 14 países falamos de somente 800 casos!!! O resto da população é SAUDÁVEL e POOOOOODEEEE consumir glúten… Saiba Mais